Estudo sobre superidosos é publicado em revista internacional

O InsCer dá mais um passo para entender os superidosos com a publicação de um estudo denominado “Aumento da atividade da glicose no cíngulo anterior subgenual e no hipocampo de idosos de alto desempenho, apesar da carga amiloide”. Esta pesquisa demonstra alterações cerebrais em uma área do cérebro dos superidosos, assim chamados os idosos com memória muito acima da média. Esta área específica que mostra maior metabolismo, apesar de não ter menos patologia amiloide é denominada de cíngulo anterior subgenual. Este resultado foi publicado no Journal of Alzheimer’s Disease pelo pesquisador no InsCer, Wyllians Vendramini Borelli, com a coordenação do diretor do InsCer, Dr. Jaderson Costa da Costa.

“Isso significa que essa área pode ser chave na manutenção da memória em idosos, ainda pouco descrita nos estudos”, afirma Wyllians Borelli. Esses resultados embasam o papel fundamental desta área para o cérebro.

Para realizar o estudo, uma equipe de pesquisadores do InsCer realizou PET-CT com os radiofármacos FDG e PIB, além de ressonância magnética funcional. A análise foi realizada em parceria com o pesquisador Alexandre Franco, do Nathan Kline Institute - NYU.

Leia o artigo completo através do link.